Personalidade do Mês: Walt Disney

disney-walt

Gostas dos filmes da Disney não é? Então porque não saber a vida de quem começou estes maravilhosos filmes que preenchem o nosso dia a dia. Apresentamos a personalidade do mês: Walt Disney!

Walter Elias Disney nasceu a 5 de Dezembro de 1901 (Chicago, E.U.A) é o quarto de cinco filhos tendo tido apenas uma irmã mais nova e sendo o terceiro filho Roy Disney, irmão que o ajudou muito. Viveu os seus primeiros anos numa exploração agrícola em Marceline (Missouri) e foi muito difícil devido a severidade do pai (Elias Disney) e os castigos que lhe impunha. Ao descobrir que não tinha certidão de nascimento começou a pensar que seria adoptado, isto irá ser relevante mais tarde. Elias Disney vendeu a exploração agrícola e a família mudou-se no verão de 1911 para Kansas City onde comprou uma rota de jornais e Walt e Roy eram os seus funcionários.

Acordavam bastante cedo para poderem distribuir os jornais até mesmo no Inverno com sacos cheios de papéis, assim vê-se que a educação foi feitas de esforços. Walt com 10, 11 anos estudou filmes do Charlie Chaplin e a fez versões próprias de uma banda desenhada. Na sua adolescência Walt continuou a vender jornais até doces e fruta.

Até que aos 16 anos começou a estudar artes, e sendo 1917 estavam em plena primeira guerra mundial e por ser menor não se pode registar no exército logo juntou-se á Cruz Vermelha uma ano depois, tendo ido para França para dirigir ambulâncias. Depois de ter ido para França em 1919, voltou para casa e matriculou-se em Kansas City Arts School tendo começado a trabalhar em agências publicitárias, entrou numa companhia cinematográfica onde fazia essencialmente cartazes e propaganda de filmes, mas acabou por ser despedido, ele o outro artista de nome Ub Iwerks que também pretendia começar um negócio de arte comercial e o velho amigo de escolha, Walt Pfeiffer, empregou-os para trabalharem no jornal de Leatherworkers. Walt leu livros sobre animação e descobriu como trabalhavam os principais realizadores de desenhos animados de New York.

Os teatros de Kansas City alugaram os desenhos dos realizadores da Europa de leste e decidiu começar ele um projecto, Walt decidiu competir com eles fazendo os seus próprios de nome Laught-o-grams. Alugou uma garagem, sendo esse o seu primeiro estúdio, e começaram a fazer os seus próprios desenhos animados. Por fazer a preços tão baixos não ganhou lucros, a sua companhia minúscula Laught-o-grams fez negócios para vender os seus contos de fadas, mas após 6 meses de trabalho o cliente que tinham reivindicou banca rota. Apesar dos esforços não conseguiu pagar o aluguer da garagem, e os trabalhadores que tinha deixaram-no, passou até dificuldades para se alimentar, fez então uma película de pasta de dentes e apostou em “Alice Wonderland”.

Pediu então a garagem do seu tio Robert e ai escreveu a uma distribuidora que podia distribuir a sua película anunciando que fazia um estúdio com a finalidade de produzir uma serie nova de cartoon, “Alice wonderland”, uma menina real que convivia com personagens animados. M.J. Winkler, o distribuidor, comprou meia dúzia dos desenhos e assim começou a funcionar. E por precisar de alguém para controlar o lado financeiro convidou o seu irmão Roy Disney, ficando seu sócio neste novo negócio. E com o dinheiro que conseguiram criaram em 1923 os estúdio “The Walt Disney Brothers Studios” e com poupanças deles, do tio e dos seus pais, conseguiram então comprar uma câmara usada, alugar um estúdio minúsculo, contratar mais assistentes, conhecendo nessa altura Lilly e tendo casado dois anos depois.

Quando o dirigente Winkler disse a Walt que “Alice Wonderland” já não era suficiente, começaram a produzir Oswald The Lucky Rabbit. Este foi criado em 1927, acabou por a inicio não ter muito sucesso. Depois de ter feito contracto com B.Mints e Georfe Winkler,ambos distribuidores, os primeiros desenhos animados do personagem foram rejeitados devido a idade do personagem e á falta de qualidade. Assim Disney juntou-se a Ub Iwerks e criaram um Oswald mais novo e a primeira curta fez sucesso, sempre centrado na comédia e também em circunstância e situações humanas. Em 1928 Walt pediu a Charlie Mints, também distribuidor, um aumento no orçamento, mas este exigiu um corte de 20%, e relembrou que o personagem pertencia-lhe e que já tinha renovado o contracto da maior parte das pessoas que trabalhavam com Disney, tendo-lhes oferecido mais salário. Iwerks e Les Clark eram dos poucos leais a Disney e este recusou o que Mintz queria, então os desenhos animados que restavam de Oswald eram legalmente de Mintz. Walt ficou sem nada, saiu de New York e mandou um telegrama, que é hoje muito conhecido, ao irmão Roy que tinha algo em mente para não se preocupar. Pois esta nova ideia tratava-se de Mickey Mouse.

picassowaltdisney

A inicio tinha o nome de Mortimer, mas Lilly achou um nome demasiado pomposo e acabou por ficar como ela quis, Mickey Mouse, tendo ficado Mortimer o seu inimigo em algumas curtas. Apesar de sabermos o sucesso que obteve, a início foi difícil, pois era só mais um personagem, então apareceu a ideia de desenhos animados com som sincronizado, surgiu a curta-metragem “Steamboat Willie”, tendo já conseguido um distribuidor, e com mais curtas conseguiu dinheiro e estagiários. Já estava pronto para criar uma empresa nova, surgiram um ano depois curtas-metragens sem os habituais personagens de mickey mouse, Donald, Pateta, Pluto, mas pequenas histórias com outros personagens e tinham o nome de silly symphonies. Tiveram o sucesso esperado, e foram feitos entre 1929 e 1939 sempre acompanhados de música.

A primeira foi “skeleton dance”, apesar de alguns terem achado macabro, foi bem recebido e vieram muitos mais. Na altura Iwerks acabou por abandonar Disney e em 1930 já tinha o seu estúdio, foi muito importante para o trabalho de Walt Disney, mas o estúdio continuou e na altura eram sucesso as personagens amigos de Mickey e as Silly Symphonies, tendo feito a primeira a cores com o recurso da technicolor “The Flowers And Trees” e uma das mais famosas curta-metragens de sempre “The Three Little Pigs”, estas e outras foram premiadas com Óscars.

Além de todo o trabalho, Walt Disney tinha a sua vida pessoal, a sua mulher Lilly infelizmente sofreu de 2 abortos e só na terceira vez que engravidou tiveram uma menina a 18 de Dezembro de 1933, nasceu Diane Marie Disney e com outro aborto da mulher decidiram adoptar uma criança, Sharon Disney. As duas filhas nunca tiveram muita noção da fama do pai. Walt e Lilly mantiveram as meninas fora do olhar do público para própria segurança e privacidade. Em 1938 a mãe de Walt Disney faleceu devido a uma fuga de gás á qual Elias Disney sobreviveu.

walt_disney_snow_white_1937_trailer_screenshot_281329

Com todo o sucesso que tinham conseguido, Walt Disney ambicionava mais e na altura até existiam “rivais” de Mickey Mouse como Popeye ou o gato Felix e pensou em 1934 fazer a primeira longa-metragem animada. Claro que nem todos concordaram que iria resultar, as pessoas iriam aborrecer-se com tanto tempo a ver cores vivas, Walt Disney ignorou esses comentários e após 3 anos de trabalho conseguiram fazer o filme da “Branca de Neve e os Sete Anões” (Snow White and seven dwarfs) ,com anões adoráveis de características individuais, uma menina doce pela qual o publico iria torcer para encontrar o seu amor, um príncipe encantado e uma bruxa malvada, faziam um conto de fadas perfeito para o mundo apreciar. É claro que foi um sucesso estrondoso feito por 300 artistas de todos os níveis necessários para realizar o filme. No mesmo ano em 1937, na silly symphony “The Old Mill” surgiu a câmara multiplano que dava a possibilidade de simular a profundidade e tornar mais realista as paisagens dos desenhos. Outra curta importante para experiências foi “The Goddess of Spring” para ajudar na animação do ser humano principalmente da personagem Branca de Neve.

Com os lucros da primeira longa-metragem, Walt quis construir um novo estúdio em Burbank,”Walt Disney Studios” com condições mais apropriadas e assim poderiam produzir filmes com melhor qualidade. E começaram a trabalhar em mais três filmes, Pinóquio, Bambi e Fantasia. Walt proporcionaria ambientes diferentes nestes filmes, o primeiro iria incentivar os artistas a criar um mundo com detalhes e emoções, Fantasia, faria a compatibilidade entre retratar a animação através da música, e Bambi traria realismo á pintura, e retrataria animais que seria um desafio difícil para os animadores. Assim o trabalho progrediu e os funcionários trabalhavam infinitamente, todo o dinheiro tinha sido utilizado no estúdio novo, seria tudo apostado nestes novos filmes.

Com o começo da 2ª guerra mundial os mercados da Europa estavam fechados á animação. A produção realista de Bambi foi atrasada, a de Pinóquio parado até Walt decidir inserir o Grilo para consciência e amigo de Pinóquio, tudo piorou com o ataque Pearl Harbor e sem o fim da 2ª guerra mundial, o começo dos projectos de “Peter Pan” e de “Alice no pais das maravilhas” eram em vão, logo Bambi em 1942 foi apresentado ao publico. Disney colaborou com o FBI, a policia federal dos E.U.A, denunciando actividades subversivas no meio artístico em troca de informações acerca do sua paternidade. Foi convidado para as forças armadas onde produzia desenhos animados para os soldados de guerra e filmes de propaganda militar utilizando personagens como Mickey Mouse e Donald. No final da guerra os lucros eram escassos, produziram filmes com vários pequenas historias juntas, até que era altura de tomar uma decisão, ou fariam uma longa-metragem ou o estúdio fecharia. E claro que Walt Disney escolheu a primeira hipótese e seria mostrado ao mundo mais um conto de fadas intitulado Cinderela, que fez de novo enriquecer o estúdio, todos ficaram emocionados com a história da heroína. Não só animação foi feita mas também filmes live-action entre 1948 e 1960 foram feitos 13 filmes, entre eles “a ilha do tesouro” (1950), “o drama do deserto” (1953), “20000 leguas submarinas” (1954) e claro Mary Poppins(1964) que misturava personagens humanos com desenhos animados, recebeu treze nomeações da Academia. Walt Disney também produzir programas de televisão sendo ele próprio o apresentador. Em 1955 inaugurou-se a Disneyland, um parque de diversões na Califórnia com atracções dos filmes da Disney e com os anos foram feitos mais pelo mundo. Enquanto isso continuava a trabalhar em “Alice no pais da maravilhas e “Peter Pan”, “A Dama e O Vagabundo”, “A Bela Adormecida”.

Sua filha mais velha Diane casou com Ron Miller e Walt teve a seu primeiro neto Chistopher tendo vindo mais 5 da sua filha mais velha. Já Sharon também casou e teve uma menina, Victoria durante a vida de Walt, após a sua morte teve mais dois filhos. O estúdio continuou a produzir filmes bem sucedidos na década de 60 como os “101 dálmatas” a “Espada era a Lei” e “O Livro da Selva”. Walt Disney morreu com 65 anos, do dia 15 de Dezembro de 1966, pois fumava e contraiu cancro do pulmão. Acabou por não ver a estreia do “Livro da Selva”, mas o estúdio quis continuar a o trabalho. Walt Disney passou os seus últimos tempos de vida com a família e teve tempo de se despedir do estúdio que tanto lutou para construir. A mulher, as duas filhas e o seu irmão Roy continuaram o projecto. Só depois da morte de Roy houve períodos difíceis de administração, mas até hoje os filmes da Disney continuam a ser realizados. Walt Disney será sempre recordado como um dos nomes da animação, criou mundos de fantasia e sonhos que iram viver gerações e gerações.

Além disto Disney foi a pessoa que mais indicações a Óscares teve, tendo sido 64. O seu lema era “keep moving forward”, ou seja, seguir sempre em frente, para nunca desistirmos dos nossos sonhos.

7 respostas a Personalidade do Mês: Walt Disney

  1. pampam diz:

    ele pra mim é um gênio,gosto dele desde quando eu era pequena…meu sonho sempre foi trabalhar na disney^_^

  2. del diz:

    Me emocionei, quem dera se aqui no Brasil tivéssemos um “Walt Dysney” para dar iniciativa à animação

  3. gabb diz:

    I love Walt Disney
    The history of it is beautiful!
    he is and was a warrior, the warrior and won the battle.
    Sorry he died … It could be an example for many people …

  4. Juan diz:

    eu sempre fui fã desse gênio,dou palestras dele a um ano,e sempre quis realizar meu sonho,que é conhecer a obra dele a disneylândia,um gasto de 17 milhões para contruir mais ele é o cara ,ele nunca desistiu de seus sonhos
    me espelho nele

  5. DEMIDISNEY diz:

    EU GOSTARIA QUE ALGUEM RESPONSAVEL PELAS RELAÇOES PUBLICAS DA DISNEY DO BRASIL DESSE A IDEIA DE CONSTRUIR UMA DISNEYLANDIA EM MINAS GERAIS EU TENHO CERTEZA DE QUE VAI DAR CERTO HA MUITAS PESSOAS QUE SAO LOUCAS PARA IR NA DISNEY DOS EUA OU DOS OUTROS PAISES E NAO TEM CONDIÇOES

  6. Ueritom diz:

    A Disney embalou a infância de muitas gerações com os seus clássicos, um mais belo que o outro!!

  7. A diferença que fez diferença. Walt Disney por J G Fajardo

    Walter Elias Disney foi um sonhador, um homem que olhava a vida de uma maneira diferenciada. Essa diferença fez a diferença. De sua percepção surgiu um mundo enternecedor, possível, encantor e mágico. Walt mostrou que sonhar dá certo, faz bem ao bolso, pois o lúdico bem trabalhado fecunda as mentes, e essas sensibilizadas desembolsam prazerosamente milhões. Disney se encantou com a essência, com os quatro elementos, com a natureza, com o vento que sacudia galhos para expor entranhas que contém segredos. Das árvores. Dos bosques. Das florestas. Dos riachos. Dos bichos… Disney os conheceu bem de perto, senão, suas representações em desenhos animados não seriam caprichosamente exibidas. Walter Elias Disney foi um sonhador, um homem pragmático que captou facilmente a verdade de que, o melhor remédio para neutralizar efeitos da mediocridade, é oferecer doses saborosas do elixir da vida: imaginação. Imaginação é tudo, é a prévia das próximas atrações da vida, segundo Einstein. Uma imaginação bem trabalhada e elevada seduz, faz milagres e pode curar. Até burrices.

    J. G. Fajardo
    pintor de retratos e afins, professor de atelier

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: