Tempo da Disney – 3ª edição

fantasia

Caros Disneymaníacos, esta semana vão ficar a saber tudo sobre “Fantasia”, outro grande clássico da nossa querida Walt Disney!

Pois é, amigos, “Fantasia”, este grande sucesso da Walt Disney, esconde grandes curiosidades. Mas isso hoje vai mudar, porque nós vamos revelar-te tudo!

O “Fantasia” foi criado no ano de 1940 e quando surgiu pela primeira vez no cinema não foi muito bem recebido. Os críticos não apoiaram nada esta criação da Walt Disney pois achavam que era um filme demasiado presunçoso e monótono, chegando mesmo a ser acusado de querer conceber imagens à música. Perante estas críticas tão negativas, “Fantasia” não foi nada prestigiado pelo público.

Só 20 anos mais tarde, em 1960, é que “Fantasia” começou a ter alguns admiradores e quando foi lançado no mercado em formato VHS, em 1990, alcançou o top dos filmes mais vendidos do ano.

Apesar de tudo, “Fantasia” ganhou dois Óscares pelo trabalho inovador conseguido no filme, tendo sido ainda premiado com o prémio especial do New York Film Critics Circle Awards. O filme foi ainda bastante aplaudido pela grande sofisticação de som e imagem, não necessitando de qualquer tipo de intervenção ou restauro no seu lançamento em DVD, o que nunca se verificou em qualquer outro filme.

Dos compositores que deram vida às músicas que faziam parte da banda sonora de “Fantasia”, apenas um, Stravinsky, estava vivo na época em que “Fantasia” foi criado.

E por falar em música, têm ideia de qual foi a banda que se inspirou neste sucesso da Disney para compor uma das suas canções? Foi “Nightwish”, a banda de metal finlandesa, que se inspirou em “Fantasia” quando criou a música “FantasMic”, do álbum “Wishmaster”.

 

“The Pastorial Simphony”, ao som da Sexta Composição de Bethoven foi, sem dúvida, o segmento mais gracioso do filme pelo seu cenário mitológico, o Monte Olímpo, e pelas criaturas míticas que dele faziam parte como: cavalos alados, cupidos e centauros. Apesar de, originalmente, “Cydalise” ter sido a música escolhida para a cena, Walt Disney decidiu substitui-la por Bethoven por a inicial não ter suporte suficiente para o desenvolvimento da história.

mickey

No entanto, apesar de graciosa, “The Pastorial Simphony” não é a peça mais famosa e querida entre o público. Esse lugar pertence à peça “Aprendiz”, a única que retrata exactamente a história idealizada pelo compositor quando escreveu a música. Foi nesta peça que Mickey, pelas mãos de Fred Moore, renovou o seu design: os seus olhos tornaram-se muito mais expressivos e o seu corpo ganhou formas mais flexíveis.

 

Mesmo que nos dias de hoje “Fantasia” não seja um dos filmes mais aclamados pelo público contemporâneo e que a fórmula mágica de misturar desenhos animados com música clássica já não seja a mesma novidade de há 60 anos atrás, “Fantasia” é considerado um dos maiores sucessos aos olhos dos grandes fãs de animação.

 Por isso amigos, não percam este grande clássico da Walt Disney! “Fantasia” aguarda-vos!

Uma resposta a Tempo da Disney – 3ª edição

  1. Emmanuel Miranda diz:

    Eu adoro fantasia assisti todos os dois ultimos fantasia e fantasia 2000 espero logo pelo terceiro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: